Sua colheita está sendo boa?
Escrito por
Alexandre Damiani

Tenho visto com mais frequência, as pessoas propagarem o mal. Se divertem postando e comentando, as atitudes erradas das pessoas, os golpes que levaram, as fofocas que ouviram, as notícias falsas que ouvem e retransmitem como verdades, sem antes ao menos pesquisarem os fatos e ouvirem os dois lados de história verdadeira ou falsa.

Estamos vivendo a época, em que falar dos outros virou moda, que comentar a vida alheia, virou programa preferido das pessoas. As redes sociais ao invés de unirem, estão afastando pessoas.

Aprendi, que falar de pessoas é uma das piores atitudes que podemos ter, quando o fazemos sem a presença da mesma. Quer ajudar esta pessoa, fale diretamente a ela.

Mas, onde o título tem a ver, com esta pequena introdução que fiz, nos três parágrafos anteriores?

Você vai colher o que plantar, isto é fato, bíblico e comprovado. Se espalhar notícias ruins, vai vivenciar coisas ruins, se espalhar mentiras, um dia será você o acusado injustamente.

Se desejar o mal para as outras pessoas, querendo o trabalho que elas têm, o sucesso que elas têm e até a vida que elas têm, este mal virá em sua direção com uma força, que vai fazer você desmoronar.

Mas se entender que a partir de agora irá limpar de sua vida a pregação do mal, as atitudes negativas em sua vida, se afastar de pessoas que não querem o seu bem e o bem das pessoas que você gosta, você vai se libertar para começar a agir em sua vida de forma amável e servidora.

Você não vai agradar nunca a todos, mas poderá surpreender e agradar, o máximo de pessoas que conseguir, mas não para receber algo em troca, simplesmente pelo fato de querer fazer o bem.

Não é uma tarefa fácil e me pego muitas vezes, tendo atitudes que não condizem com meus valores, com a educação que recebi de minha mãe, mas assim que percebo este ato, peço perdão, mudo o rumo da ação e consequentemente o rumo de meus resultados na vida.

Muitos hoje, correm atrás somente de dinheiro e com isto, estão criando relacionamentos focados em interesses financeiros e não mais em interesses humanos.

Quer uma comunidade brasileira melhor, seja uma pessoa melhor e pare de apontar os milhares de dedos que tem para identificar o defeito dos outros e comece a usar alguns para identificar e corrigir o seu defeito.

Quer um bairro melhor, comece a fazer a diferença neste local. Quer uma empresa mais saudável, trate bem seus funcionários e parceiros. Quer fazer mais negócios, ame seus clientes e entregue o seu melhor, para não ser trocado um dia por alguns centavos.

Para termos felicidade na vida, temos que começar a fazer das pessoas que estão ao seu lado felizes. Comece pela sua esposa, filhos, pai, mãe e vá expandindo para amigos, vizinhos, parceiros, até que um dia vai transmitir felicidade de graça, até para os desconhecidos.